Você conhece os mapas mentais? Sabe porque razão eles funcionam para a aprendizagem? Você ja imaginou usar em seu negócio para garartir uma organização eficiente e aumentar a taxa de sustentabilidade do seu negócio? Se você não conhece, não se preocupe, porque neste post eu prosseguirei abordar as origens os fundamentos dessa técnica mostrar um mapa mental para você!

Mapa mental funciona tão bem?

De forma  geral, os mapas mentais são uma forma gráfica de organizar as informações. É evidente que existem outras formas por aí, porém o Buzan foi refinando o planta mental para conformar exclusivamente os requisitos da nossa memória. Então, o mental mental, privadamente, é um dos  mais poderosos que a maior parte das outras formas gráficas de manipular informação como, por ex, mapas conceituais, fluxogramas outros formatos que são meio híbridos.

4 peculiaridades fundamentais

Nesse processo de construção, o Tony Buzan descobriu quatro peculiaridades fundamentais com intenção de o planta mental funcione muito na aprendizagem e na organização. Todas elas têm a ver com questão do movimento da memória estão presentes no material “O Esboço Mas Essencial Do Planeta”.

1 – Cores

O nosso cérebro para entediado com muita facilidade, logo este deve estrear a “viajar” para outros lugares. Neste instante, você perde completamente o foco no que está lendo ou estudando. Também, a memória é bastante visual, logo, se você usa coisas coloridas no seu planta mental, as cores vão fortalecer a sua memória visual. Por ex: eu falo “maçã”, você involuntariamente imagina uma maça vermelha na sua carola. Logo, as cores servem para o seu cérebro entediado, além de auxiliar a fortalecer a memória daquela informação por meio da visão da imaginação.

2 – Elemento mediano

É essencial que você trabalhe desde um fator mediano. O nosso cérebro não funciona de forma linear: este pensa uma coisa cá, depois lembra de outra coisa acolá, mas inoportunamente este se aprofunda alguma coisa mas sobre outro ponto por aí vai… Então, a “forma tradicional” de redigir (uma risca embaixo da outra continuamente com a mesma cor de caneta) é a pior forma provável para você raciocinar sobre um pouco. O planta mental, por sua vez, funciona desde um fator que irradia do núcleo em direção às bordas, de modo que você tenha como respeitar maneira de trabalho organico do seu cérebro.

3 – Escorço

Ter desenhos símbolos visuais é outro sigilo para progredir a aprendizagem. Como já diz, a memória é bastante visual, então as pessoas aprendem bastante mas fazendo associações com os símbolos o concepção que eles representam.

eu falo isso, várias pessoas acham que o escorço nos mapas mentais é uma perda de tempo intolerável, porém eu já mostrei, na prática, para centenas e centenas de alunos, que vale a pena gastar algo de tempo fazendo desenhos, porque elas vão gastar MUITO menos tempo fazendo revisões.

Esse é enorme sigilo de você utilizar um sistema que facilite a sua memorização: você vai revisar menos vezes, logo você ganhará tempo mas adiante.

4 – Palavras-chaves

Essa é secção mas negligenciada pelas pessoas que arriscam fazer mapas mentais: o uso das palavras-chaves. Eu vejo varias pessoas ensinando mapas mentais escrevendo orações inteiras nos ramos – essa não é a melhor forma de aprender. De fato, ela só atrapalha a aprendizagem é um dos primordiais motivos das pessoas desistirem precocemente de utilizar mapas mentais.

Se você escreve orações inteiras em qualquer ramo, além de perder bastante tempo com isso, você deixará seu mapa parecendo uma recapitulação linear desordenado. Com isso, varias pessoas pensam, mal, que a planta mental gasta tempo demais acabam deixando de se beneficiar de uma utensílio extremamente poderosa para a aprendizagem.

O que fazer, logo?

Em qualquer ramo do planta mental, deve ter uma vocábulo-chave. Isso leva a 2 vantagens fundamentais:

1 – Estimula o seu raciocínio, porque você deve raciocinar para desenredar que é a termo-chave mas apropriada para colocar no planta, além de precisar resolver onde você vai posicioná-la.

2 – você raciocina sobre um pouco, você possui mas chances de que essa coisa seja enviada para a memória de longo prazo. Você raciocina na memória de trabalho (memória de limitado prazo que deixa o armazenamento temporário de informação), porém esse raciocínio acontece de modo mas consistente, a informação é entendida pelo cérebro como alguma coisa essencial possui mas chances de chegar até a memória de longo prazo.

Outra coisa essencial em relação às palavras-chaves é que elas deixam reunir bastante o teor. Deste modo, você terá bastante volume de informação para revisar. Você assiste o teor uma vez, no máximo duas, faz o seu mapa mental com o teor muito resumido aí, você for revisá-lo, o tempo de revisão é bastante pequeno. Porém não se engane, muito conformado, a informação fundamental está toda no mapa, recomendo que de uma olhada neste curso de mapa mental do Felipe Iorio está sensacional, não acreditei que poderia existir um curso desse de mapa mental com todas e cada uma das peculiaridades fundamentais para a aprendizagem e organização para uma sustentabilidade adequada.

Eu quero mostrar um prático que eu estou falando. Observe o planta mental próximo:

Mapa Mental a ciência explica

Esse é um planta mental que eu fiz com:

  • Elemento medial
  • Ramos coloridos
  • Desenhos
  • Palavras-chave

Aliás, este foi constituído à mão mesmo, como um debuto. Essa é método ideal para você fazer você está estudando. O mapa mental não precisa ser belo (o meu não é!!!), porém você deseja um mapa que ajude a aprender melhor, não uma obra de arte, porem existe um ótimo curso que vai ajudar você a fazer mapas mentais rápidos, muita gente tem me enviado emails perguntado se o curso mapa mental express é bom? A resposta não poderia ser diferente, este é o único e melhor curso no segmento, então pode confiar que eu garanto que você vai gostar também. 🙂

 

Falar em ecologia e também reciclagem materiais é bastante mas do que exclusivamente separar lixo reciclável. Reutilizar objetos e também móveis antigos também é uma supimpa teoria para ajudar a livrar o meio ambiente do lixo acumulado todos os dias.

Sim, aquele armário velho é possível de se converter em funcionais prateleiras no seu lar, citando caso análogo. Se o traste ainda gozar alguma utilidade você pode presentear novo rosto e novidade com pequeno número de recursos de patina.

Além de contribuir com o planeta, você ajudará o bolso, uma vez que conseguir novos objetos para enfeitar sua mansão, sem gastar bastante. Porém o melhor de tudo é que poderá preferir tudinho consoante sua de sua personalidade, dando toques bastante pessoais e também deixando seu lar bastante charmoso.

Novas funcionalidades

Um bom recurso de  se iniciar caminho da reciclagem de móveis é pegar peças que anteriormente eram usadas determinadas funções e também entregar elas um outro significado, um novo uso. Ora número reduzido de exemplos clássicos?

Gavetas antigas convertidas em sustentação mesa; baús viagem do início do século XX transformados em livraria ou desenvolvimento; garrafas vidro velhas, convertidas em suportes luminárias ou candelabros.

As redes sociais Pinterest estão cheias ideologia super originais atualizar peças o mundo inteiro classes. Desta forma, você se anima os seus objetos com olhos.

Reaproveitando os materiais

Um forma mais ecoamigável atualizar móveis é utilizar o material alguma de bocado que você já não queira mas e também reutilizá-la em novidade para uma função. O exemplo mas possante é o da madeira. Existem infinidades móveis que valem pena ser reutilizados.

Ou por outra, tábuas velhas podem se converter em uma mesa meio ou mesma bocado é possível que ser polida, envernizada e também até trabalhada com patina reinventar o traste completo. Existem, também, inúmeras técnicas o tratamento da madeira – o decupagem – que presentear ao traste um paisagem integralmente novo. Os palletes que as empresas descatam apos o uso, pode ser aproveitados e transformados em belos móveis, veja neste artigo. O vidro, ferro e também pano são materiais que podem ser reutilizados.

O pretérito presente

Se você está decorando sua morada, é possível de optar em adquirir peças antigas colocá-las em seu novo lar. Existem lugares que vendem materiais locais que foram demolidos e também que podem entregar um correto simpatia à sua residência.

Lá, você é possível que adquirir portas, estruturas janelas, molduras, altífonos e também belos elementos construção que foram descartados e até madeiras e paletes. Eles não só terão um dispêndio menor, também ficarão geniais e também somar um toque história ao novo espaço.

Na próxima vez que você sentir um impulso para redecorar, considere estas sugestões. Você vai estar fazendo sua secção na proteção do meio e também seu lar permanecer bastante charmoso.